domingo, 31 de janeiro de 2010

Matheus e leão-papai

video

Que delícia o Matheus! O final é o melhor!!!!
Esse leão foi presente do papai para a mamãe... mas virou o preferido do bebê!

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Cortar unhas é divertido!

Simplesmente ADORO cortar as unhas do Matheus!! Nos divertimos muito nesse momento, até porque é engraçadíssimo fazê-lo ficar com as mãozinhas paradas para eu cortar as unhas, então é um trabalho divertido e que dura muito tempo, já que misturo com brincadeiras.
Muita gente tem medo de cortar as unhas do bebê, e me aconselhavam a cortá-las quando ele estivesse dormindo.
Mas não acho certo, pois corremos o risco de tirar o bebê de um sono gostoso... então achei muito melhor tentar cortar as unhas dele quando estivesse acordado e feliz! E deu super certo, no começo ele nem percebia o que eu estava fazendo e ficava quietinho, agora ele já quer participar... então é uma diversão, ficar desviando da mãozinha que está solta tentando pegar minha mão ou o cortador.
Mas mesmo com todas as bricadeiras, na hora de cortar a unha tem que segurar o dedinho firme e longe da outra mãozinha, senão pode machucar!
Graças a Deus nunca tirei nem um pedacinho dele! rsrsrs então enquanto estiver funcionando vou continuar cortando as unhas brincando!

AH! Já ia esquecendo as unhas do pé! Que são uma diversão à parte! O Matheus sente cosquinha no pé, então quando pego no pé dele é uma agitação só, seguida de gragalhadinhas (ele já aprendeu que cosquinha faz rir e não chorar, que foi uma dúvida até os 4 meses...)

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Mais comidinhas...

Ontem no jantar fiz um sanduíche muito bom! Super leve, saudável e chega a ser até bobo de tão fácil que é:

Pão sírio integral
Azeitona verde cortada em rodelas (já vende assim)
Cenoura
beterraba
Alface
Azeite

Abra o pão sírio ao meio, regue com um filete de azeite, faça uma camada de azeitonas, coloque a cenoura e a beterraba cruas e raladas e o alface por cima e feche.
Quem gosta pode colocar salsa e cebolinha que deve ficar bem gostoso também!

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Aula de Yoga!

No domingo passado levei o Matheus para praticar Yoga no Museu Imperial, aqui em Petrópolis.
Explico: existe um movimento chamado Todo dia é dia de Yoga, que é organizado pela minha querida amiga Soraia. Sempre acompanhei o movimento pela internet, mas nunca tinha conseguido ir à uma aula, então neste domingo, resolvi que iria e levaria o Matheus comigo!
Foi ótima a aula, o Matheus se comportou maravilhosamente bem e deixou a mamãe praticar com calma. Só tivemos que fazer uma pausa (rápida) para o mamá!

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Chá de Camomila

Como contei para vocês ontem, o Matheus está dormindo muito mal, parece que tem 1 mês de novo e acorda de 3 em 3 horas.
Então conversei com o pediatra e resolvemos dar chá de camomila para ele, para ver se dá uma acalmada no meu pequeno super agitado... tentei ontem pela primeira vez e ele ODIOU!
Não sei se contei, mas ele não pegou chupeta de jeito nenhum, faz uma cara de nojo para a chupeta muito engraçada, e eu sempre tive medo que ele fizesse a mesma coisa com a mamadeira, e não deu outra, ontem ele colocou a mamadeira na boca pela primeira vez e fez a mesma cara de nojo para ela...
Mas insisti um pouco, pois o gosto do chá é bom e achei que ia sobrepor o gosto do bico e ele ia finalmente mamar... mas a cara de nojo foi se transformando em gritos e tosses, pura cena, pois quando tirava a mamadeira da boca ele sorria e queria pegá-la para brincar, e eu deixei, pois vai que assim ele começa a criar uma afinidade com ela?!
Enfim, não consegui dar nem 10 ml de chá para ele ontem a noite, e a nossa noite foi bem agitada, mas já foi melhor que a outra.
Hoje falei com a babá que é para ela ir tentando dar o chá para ele durante o dia... vamos ver se ele começa a gostar...

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Sono... ou melhor, falta de sono...

Gente! Fiz um comentário no blog da Lia, que me deu vontade de escrever um post sobre...As noites mal dormidas do Matheus!!
Mooorro de inveja das pessoas que me contam que seus filhos dormem a noite inteira.
Noite passada o Matheus aprontou uma comigo que agora estou batendo cabeça aqui.
Vou contar para vocês:
Saí do trabalho e fui em casa amamentá-lo às 5 horas e tive que sair de novo para ir ao médico, demorei e chequei em casa quase às 8 horas e minha mãe estava com ele aos berros no colo, até aí compreensível, era fome, mas minha mãe falou que ele também estava com sono, pois não tinha dormido de dia... dei mamá para ele e ele dormiu no meu colo, coloquei ele na cadeirinha de balanço e não deu 5 minutos ele acordou chorando, peguei ele e ele ficou feliz me vendo comer. Acabada minha refeição recomeçou o choro, era sono, fui pro quarto e fiquei andando e cantando para ele dormir, nada... coloquei ele no peito de novo, começou a dormir... meia hora depois tiro ele do peito para colocá-lo no berço... choro de novo... e assim foi até às 3 da manhã, e nessa hora eu já estava deitada com ele deitado ao meu lado, fazendo o peito de chupeta... coloquei ele no berço e ele ficou lá até 6 e meia, quando acordou de novo aos berros, dei mamá de novo e ele dormiu até 7 e meia, hora que acordou definitivamente e eu saí para trabalhar (igual uma zumbi)...

Hoje chegamos a conclusão que ele podia estar agitado assim pois eu comi feijão na hora do almoço, e tem muito tempo que eu não como feijão, então pode ter feito mal à ele... mas confesso à vocês que até milicon eu dei para ele, para ver se dava sono...
Fico em dúvida se posso dar chá de camomila... vou ter que ligar de novo para o pediatra...
Alguém tem alguma dica para crianças que dormem pouco??

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Vida vegana

Por causa da alergia do matheus não posso mais comer nenhuma proteína de origem animal (leite e seus derivados, ovos e todas as carnes) e nem soja, que é a proteína de origem vegetal mais consumida pela população em geral.
Sendo assim, depois de algumas pesquisas na internet descobri que estou seguindo uma alimentação vegana (com o diferencial que eu não posso comer soja).
Tenho que confessar para vocês que estou sofrendo... afinal sempre comi tudo de origem animal, então é complicado do dia para noite ter que mudar completamente a alimentação... Mas o que não fazemos (sorrindo) pelos nossos filhos?! Pelo Matheus sou capaz de viver a pão e água se for preciso para ele ficar completamente curado!
E esse final de semana tive um incentivo para continuar minha dieta vegana pois voltei a praticar Yoga, e o estilo de vida vegana combina com a pratica da Yoga, pois o nosso corpo fica mais leve!
Mas voltando à minha nova dieta, o segredo dela é ser criativa! Pois não dá para comer legumes refogados, salada e arroz todo dia!
Então fui em busca de receitas vegetarianas/veganas e um novo mundo tem se aberto à minha frente! Podemos fazer várias combinações super gostosas e nutritivas.
Vou passar a dividir com vocês receitas e dar minha opinião sobre elas!!!

BIFE DE BATATA
Ingredientes
2 xícaras de batata crua, ralada com casca
1 xícara de cenoura ralada fininho
1 xícara de farinha de trigo
1/2 xícara de cebola picadinha
1/4 de xícara de cebolinha picada
1 ovo ou farinha de rosca até dar consistência
salsa
sal a gosto
Modo de fazer
Misturar todos is ingredientes e formar os bifes. Assar em forma untada.

***Fiz essa semana passada e ficou muito gostosa, mas fizemos os bifes finos e algumas partes ficaram meio secas e duras... da proxima vez vou fazê-los mais gordinhos que devem ficar mais saborosos!!

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Remédios

Achei super importante essa matéria que saiu no site da revista crescer, pois sabemos que existem muitas pessoas que dão remédio para a criança, mesmo sem ela ter nada, por pura prevenção. Tem necessidade disso?! Para que ficar intupindo seu filho de remédio sem necessidade???
O pediatra do Matheus sempre prescreve Paracetamol para ele nos dias de vacina, mas só em caso dele ter febre, e ele enfatiza bem isso!!!
Então gente vamos poupar nossos filhotes de remédios desnecessários e que ainda podem enfraquecer o efeito da vacina!!
*********

Paracetamol pode prejudicar a ação das vacinas no organismo das crianças

Quantas vezes você levou seu filho para vacinar e ficou tentada a dar algumas gotinhas de antitérmico para que ele não tivesse febre depois? Cuidado. Essa atitude pode atrapalhar a resposta imunológica do organismo em relação à vacina. Em outubro, CRESCER adiantou os resultados de uma pesquisa que mostrava os efeitos do uso do remédio depois da vacinação. Agora, a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo reforça o alerta para os pais.
Para chegar a esses resultados, cientistas checos analisaram o ingrediente ativo acetaminofeno, presente no paracetamol (um tipo de antitérmico), e a reação que ele causa no organismo quando é dado para a criança logo após a vacinação para prevenir uma eventual febre. A pesquisa, publicada na revista científica The Lancet, e financiada pela GlaxoSmithKline Biologicals (Bélgica), analisou 459 bebês saudáveis. Desses, 226 receberam três doses profiláticas (ou seja, antes do sintoma da febre aparecer) de paracetamol a cada 6 ou 8 horas após receber a vacinação. Os resultados mostraram que, no grupo que recebeu a dose do remédio, a concentração de anticorpos foi mais baixa se comparada com aqueles que não tomaram paracetamol.
Para Marco Aurélio Sáfadi, pediatra e infectologista do Hospital Albert Eisntein(SP) e membro da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), esse pode ser um indicativo de que a proteção da vacina é menor quando a criança toma o remédio antes mesmo de apresentar febre. “A indicação do medicamento quando a criança apresenta o sintoma é segura porque a resposta imune da vacina já começou e não haverá interferência”, diz. Ele alerta os pais para que a prática de dar esse tipo de antitérmico como prevenção seja abolida e, como qualquer medicamento, só ser oferecido à criança com indicação do pediatra.
Fonte: http://revistacrescer.globo.com

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Tímido...

Matheus está com uma gracinha nova...
Quando alguém ri para ele, ele ri de volta e se esconde no colo com carinha de tímido!
É a coisa mais deliciosa!!! Todo mundo morre de rir!!!

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

5 meses

Hoje é mesversário do Matheus! Parabéns para o filhote pelos maravilhosos 5 meses!
Como uma mãe muito dedicada gostaria de ter registrado aqui no blog todas as mudanças ocorridas à cada mês... mas sendo uma mãe muito dedicada enquanto estava de licença não dei muita bola para o blog...
Então, vamos retomar as atualizações mensais do desenvolvimento do Matheus depois de 3 meses de “férias”...
Gente! Não é corujisse não, mas o Matheus está o bebê mais simpático e sorridente do mundo! Ele é uma graça! Super esperto e brincalhão!Essas são as novidades dele:

*Ele vira para de um lado para o outro, segue qualquer um com os olhos;
*se contorce todo para olhar se eu ou o papai nos afastamos;
*tem uma força incrível, é só colocar alguma coisa na mão dele que lá vai a coisa pelos ares;
*tosse para chamar atenção, grita de alegria;
*começou a dar gargalhadinhas quando mordemos a barriga dele;
*se ele conseguisse ficaria o dia todo em pé, odeia ficar muito tempo deitado, adora ficar de bruços tentando buscar as coisas com as mãozinhas sapecas, fica sentado encostado muito bonitinho, falta pouco para ele estar sentando sem encostar;
*se ele fica dois minutos sozinho é um escândalo, precisa de atenção exclusiva (pouco mimado né?! E totalmente leonino!!);
*de dia dorme 40 minutos no máximo, e de noite é muito difícil fazê-lo dormir, só dorme mamando, se mexe muito dormindo e agora dorme de ladinho e depois da mamada da manhã gosta de dormir no meu travesseiro.

Vamos ao pediatra hoje no fim da tarde, mas já percebemos que ele deu uma recuperada no peso! Depois coloco aqui as medidas dele nesse quinto mês.

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Babá

Eu queria colocar o Matheus num berçário assim que ele completasse 6 meses, não me chamem de louca... mas eu queria pois ele é filho, neto, sobrinho, sobrinho-neto e bisneto único! Então imaginem o quanto ele já é mimado?!
Por isso queria que ele tivesse contato com outras crianças e soubesse que ele não é o único bebê do mundo, por eu estou achando que ele tem certeza que é!!! Afinal, todos fazem o que ele quer na hora que ele quer...
Infelizmente, não vou poder fazer isso. Por causa das alergias dele o pediatra e o gastro acham melhor ele ficar em casa, coitadas das avós né?!
Então, para não prender ninguém começamos a busca por uma babá...
Gente! Como é difícil encontrar uma babá!!! Depois de quase um mês de busca, encontramos uma. Ela começou hoje lá em casa e o Matheus parece estar gostando dela (vai rolar um ciúmes daqui a pouco!). Minha mãe passou o dia todo com eles e até agora gostou muito dela.
Mas a maior segurança que temos (depois de tantas reportagens loucas sobre o que as babás fazem com os bebês) é que ela não vai ficar sozinha com ele nunca, pois lá em casa tem a Raquel, que já trabalha a muitos anos para nós e que vai ser o “leão de chácara” quando todos sairem.

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

A volta ao trabalho

Como eu tinha anunciado, voltei ao trabalho!
Fiz faculdade de direito e começei a fazer estágios cedo, e desde então nunca mais tinha parado de trabalhar, fui mudando de um estágio para o outro até estar finalmente formada e contratada. E com todas essas mudanças passei quase 5 anos sem férias.
Então imaginem quando eu saí de licença?! A perspectiva de passar 4 meses de licença e emendar 1 de férias foi maravilhosa!!!
E esses meses foram realmente maravilhosos!! Pude curtir meu filhotinho por todo esse tempo.
No entanto a vida com um bebê é meio como o dia da marmota (um filme onde o mesmo dia se repete sempre que o cara acorda), apesar da evolução de um bebê ser rápida e linda, não temos muitas coisas para fazer a não ser acordar, dar mamar, trocar fralda, dar mamar, dar banho, dar mamar, brincar um pouquinho (quero dizer, vc fazer bobeirinhas para ele rir), dar mamar, trocar fralda, e assim vai...
Sendo uma verdadeira “mãe moderna”, tenho que confessar para vocês que estava morrendo de vontade de voltar para o trabalho. É claro que sinto falta de estar com ele o tempo todo, e por enquanto, dá para matar a saudade pois, vou em casa 1 vez no meio da manhã, na hora do almoço e 1 vez no meio da tarde só para amamentá-lo e ficar um pouquinho com ele (não sei se vocês sabem, mas é um direito trabalhista a mãe poder sair 2 períodos de meia hora durante o expediente para amamentar o bebê até ele completar 6 meses!) Mas estar de volta ao trabalho significa um pouquinho de independência, pensar em outros problemas, ser útil para outras coisas, enfim, expandir a mente!

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Ano novo, vida nova...

O blog esteve bem parado no final de 2009 por várias razões... festas de final de ano, viagens de férias antes do papai se mudar, muito tempo curtindo meus amores e quase nenhum tempo para o computador!
Mas além das coisas boas do final do ano, tem uma que não é tão boa... descobrimos que o Matheus está com colite do leite materno, que nada mais é do que alergia.
Essa alergia é uma inflamação no intestino, então descobrimos a doença quando ele começou a evacuar com sangue, alem de parar de ganhar peso e vomitar/golfar mais do que o normal... imaginem meu desespero!
Corremos para o pediatra que fez o primeiro diagnóstico, e como primeiro tratamento eu não pude comer mais nenhum derivado de leite. Fomos encaminhados para um gastro-pediatra, que muitos já devem ter ouvido falar, pois ele é o melhor nessa área (aqui no Rio pelo menos) o nome dele é Aderbal Sabra.
Chegando nele tivemos o diagnóstico do pediatra confirmado. E o que ele nos disse foi que devo amamentar o Matheus exclusivamente até ele ficar totalmente bom, que vai ser o leite materno que vai cura-lo, mas para isso eu preciso parar de comer tudo que possa fazer mal à ele, então estou com uma dieta sem proteína de nenhum tipo (nenhuma carne, nem leite, nem ovo, nem soja). Me alimento a base de frutas, legumes, verduras e alguns cereais.
Vou contar para vocês que não está sendo fácil, mas ver o meu pequeno melhorar é maravilhoso! Vale qualquer sacrifíco!!! E se tudo correr bem, a probabilidade dele continuar alergico é bem pequena, pois estamos tratando muito cedo!
Eu voltei a trabalhar ontem, o que tem dificultado um pouco as mamadas... tenho que sair no meio da manhã e no meio da tarde para ir em casa dar mama à ele. A sorte é que moro bem perto do trabalho.
Essa foi uma das minhas maiores preocupações pois e o dia que eu não tiver como sair para ir amamentá-lo?! O sabra também resolveu esse problema! Rsrs
Existe um leite de latinha, chamado pregomin, que é especialmente desenvolvido para bebês alergicos, é bem caro, mas resolvemos comprar para o caso de uma emergência o Matheus não morrer de fome!

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010